quinta-feira, 3 de julho de 2014

PANORAMA POLÍTICO (3) - ILIMAR FRANCO


ILIMAR FRANCO

          A presidente Dilma pediu ao vice Michel Temer indicar o novo vice-presidente Corporativo da CEF. O cargo era ocupado pelo presidente do PTB, Benito Gama, que deixou a função para concorrer à Câmara dos Deputados. O PMDB propôs um nome de carreira, o Superintendente da Regional Norte do Espírito Santo, Antônio Carlos Ferreira. A nomeação sai nos próximos dias. 

Guerra no PT do Rio
Os candidatos a deputado federal pelo PT do Rio estão fazendo críticas nos bastidores ao presidente do partido, Washington Quaquá. Eles não se conformam com a decisão de dar 30% do tempo de TV, dos candidatos à Câmara, para Benedita da Silva. O argumento é o de que ela é puxadora de votos. Mas o mesmo critério não valeu para dividir o tempo de TV dos candidatos à Assembleia. O tempo será igual para todos, inclusive o da mulher do presidente do partido, Rosângela Zeidan. Os petistas dizem que o acordo, entre Quaquá e Benedita, foi firmado quando Benedita desistiu de disputar o segundo turno nas eleições internas do partido.
O Serra remou contra a corrente (2010). O Lula bem avaliado e a Dilma surfando na onda. Agora é diferente. O governo mal avaliado e há desejo de mudança” 

Aloysio Nunes Ferreira 
Senador (PSDB-SP) e candidato a vice na chapa de Aécio Neves
Queda de braço
O ministro dos Esportes, Aldo Rebelo, venceu a disputa interna contra a SECOM e o ministro Aloizio Mercadante (Casa Civil). Eles eram contra a presidente Dilma ir ao Maracanã, dia 13, no final da Copa, entregar a taça ao time campeão.
Traje de bom moço
Irritação no governo com Jerôme Valcke (Fifa) por sua fala sobre o consumo de álcool nos estádios. A pergunta: Como ele pôde ver e se espantar? O carro que o leva aos estádios lhe deixa na porta do elevador da área VIP. Nesta, bancado pela Fifa, é farto e gratuito o consumo de cerveja, vinho e prosecco. E a venda de cerveja para a torcida é chancelada pela entidade, que administra as arenas na Copa.
Rastreando o dinheiro
Os documentos apreendidos na terça-feira com João Procópio, laranja do doleiro Alberto Yousseff, mostram movimentações financeiras feitas em dois bancos privados estrangeiros. Um deles, português, não atua no mercado de varejo.
Em banho-maria
O governo está preocupado em aprovar, no Congresso, o acordo com a Polícia Federal, de reajuste escalonado de 15,8%. A proposta foi enviada como crédito adicional à LDO e depois como MP. A redução do ritmo de trabalho do Congresso, com a Copa do Mundo e as eleições, estão reduzindo o quorum e segurando votações.
Expectativa de um salto
O comando da campanha do governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) espera um forte crescimento nas pesquisas. Avaliam que há grande identidade entre ele e os 8% de eleitores que estavam com o vereador Cesar Maia (DEM).
O peso eleitoral
Estrategistas calculam que os programas de TV influenciam o voto de 40% dos eleitores. Os debates são relevantes para 30% e as coligações estaduais para apenas 15%. Há outros 15%, o não voto, que são impermeáveis a qualquer variável.
Os aeroportos têm passado no teste da Copa. O fluxo de passageiros tem batido recordes e chegou a 528 mil na véspera do jogo entre Brasil e Chile.

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial